Acompanhe as notícias do setor da educação

Publicamos regularmente as últimas e principais novidades do setor da educação e principalmente as ações em que a ANDAEP intervem. Visamos assim contribuir para elevar a qualidade de desempenho das escolas públicas portuguesas. Acompanhe-nos.

Convocatória Assembleia Geral - 30 de Junho 2020

22 Jun. 2020

ASSEMBLEIA GERAL Nos termos do n.º 2 do artigo 12.º dos Estatutos da Associação Nacional de...

VIII Convenção Nacional

21 maio 2020

É já no próximo dia 6 de junho de 2020 que se realiza a VIII Convenção Nacional da FNE (Federação...

Ofício da ANDAEP enviado ao ME - abril 2020

29 Abr. 2020

Assunto: Implicações das consequências do Covid-19 no decurso do 3.º período letivo e no ano...

Mensagem Conjunta FNE, CONFAP e ANDAEP

27 Abr. 2020

O eventual regresso dos alunos às escolas, no presente ano letivo, só deverá acontecer, na opinião...

Heróis!

27 Abr. 2020

Decorrida a 1.ª semana do #EstudoEmCasa (a renovada "telescola"), é a altura para fazer um balanço...

Educação na quarentena

24 Abr. 2020

Já dizia Pitágoras: eduquemos as crianças para que não seja necessário punir os adultos.

Oportunidades I: digital

24 Abr. 2020

Todas as situações difíceis, como a que nos assola atualmente, abrem portas a oportunidades de...

Saúde, Saúde, Saúde

13 Abr. 2020

Nove de abril apresentou-se como o Dia D para as escolas, aguardado com enorme expectativa por...

António Costa promete que, entre os alunos, a desigualdade no acesso ao mundo digital vai acabar já a seguir

13 Abr. 2020

“Aconteça o que acontecer”, no próximo ano lectivo vai estar “assegurada a universalidade do...

SEJA SÓCIO

Torne-se nosso associado e ajude-nos na missão de melhorar o ensino público em Portugal.
Saiba mais...

Filinto Lima
Professor e Diretor.
Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas

O valor das rendas das casas impede os professores de aceitarem um horário incompleto, uma vez que, pesados todos os fatores, não compensa. 14 mil candidatos ainda estão por colocar.


O aumento das rendas das casas está a levar a uma crescente falta de professores nas escolas, especialmente em Lisboa, Setúbal e Algarve. Vários professores e sindicatos têm denunciado esta situação, indica o Correio da Manhã. As disciplinas mais afetadas pela situação, acrescenta o mesmo meio, são Geografia, Informática, Línguas e História.

Para vários professores do Norte, por exemplo, o valor das rendas das casas impede que possam aceitar um horário incompleto em Lisboa e no Algarve, uma vez que, pesados todos os fatores, não compensa. “Os horários que agora aparecem são temporários e não vale a pena correr riscos para ganhar meia dúzia de tostões e pagar rendas muito caras”, indicou Filinto Lima, presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), ao Correio da Manhã.

Pedro Tildes, diretor da Escola Secundária Du Bocage, em Setúbal, refere que se está a verificar na  sua escola o mesmo problema do ano passado: “Ainda nos faltam professores de Francês, Geografia e Filosofia. Em Setúbal não há uma única escola com todos os professores colocados”.

Uma das soluções para esta situação, acrescenta Filinto Lima, poderia passar pelo financiamento das deslocações destes professores. O responsável questionou: “Por que motivo os professores não têm direito a receber um subsídio para trabalhar longe de casa como acontece com juízes e médicos?”.

De acordo com dados da Fenprof, este ano letivo foram contratados 16.009 professores. Já o número de candidatos ainda por colocar nas escolas era de 17 mil no ano passado e 14 mil este ano.

 

In O Observador

Aconteceu!

2.º Congresso das Escolas - A Pedagogia das Escolas

Congresso para discutir pedagogia organizado pelas associações de diretores de escola portugueses, com o apoio da Fundação Gulbenkian.

14 e 15 Novembro • Fundação Calouste Gulbenkian - Lisboa

 

Saiba mais...